O Que É O Núcleo Central Cósmico – Deus?

Normalmente aqui na Terra, entre os cientistas, médicos, geneticistas, professores e até políticos, quando se utiliza a palavra núcleo quer se dizer, o centro, o ponto principal do átomo, a reunião de pontos convergentes e para os sociólogos e políticos, núcleo familiar, núcleo residencial, núcleo político e por aí a fora, No nosso caso e dos extraterrestres com os quais dialogamos e viajamos astralmente, quando dizemos Núcleo Central Cósmico queremos dizer Deus.

Mas alguém dirá é apenas mais uma forma de denominarmos Deus dentre outras que já existem há milhares de anos, tais como: Jeová, Criador, O Todo Poderoso, O Onisciente, O Onipresente e muitos outros nomes alguns mais pessoais, tais como Pai, Nosso Pai e etc., mas não é só isso, eu mesmo não me contentaria em ouvir dos extraterrestres, seres desprovidos do sentimentalismo, fanatismo religioso, não sectaristas, não temerosos do desconhecido, não temerosos de encontrar e desvendar a fonte de sua criação, como dizem aqui na Terra: “o ser humano para ser bom tem que forçosamente ser temente a Deus”, e estar sempre submisso aos Seus Desígnios, caso contrario, este ser bondoso estaria desrespeitando ao Pai, ao Senhor do Universo.

Não há dúvidas que assim se faz necessário para o belicoso e beligerante homem da Terra que, para poder viver bem com seus semelhantes tem que temer algo superior a ele. Tem que ficar amedrontado do tremendo castigo que receberá caso cometa um erro, um pecado, caso infrinja as leis religiosas de sua crenças, as leis sociais e morais, as leis políticas, as leis familiares, as leis do núcleo aglutinador onde nascem ou vive. Enquanto perdurar esse nível de conhecimento, as coisas na Terra têm que ser assim mesmo.

Os grandes legisladores já sabiam e foram instruídos para estipularem regras sócio-filosóficas dessa ordem, veja-se Moisés, Jesus, antes deles os grandes Faraós do Egito, os grandes sábios da Grécia e muito antes ainda os grandes avatares dos continentes submersos da Lemuria e da Atlântida. Eles tinham que pôr em pratica leis patriarcais que ajudassem a aglutinar, que contivessem a dispersão étnica, para que houvesse um certo domínio indireto deles e de suas filosofias sobre os membros de suas tribos. A humanidade terrestre era e ainda é, em muitos aspectos, um grande aglomerado tribal e conseqüêntemente, desconhece muita coisa e teme o que não conhece. Mesmo assim matavam-se seus membros entre si, em nome de seus lideres religiosos e em nome de Deus! Quanto mais se essas leis patriarcais não existissem, seria o caos total da humanidade. Mas em nosso caso e no entender dos seres extraterrestres mais evoluídos que nós, Deus não é para ser temido, nem idolatrado, mais sim vivenciado por cada um dos seres existentes em cada planeta do Universo. Suas Leis Naturais são para serem conhecidas e empregadas, mutuamente, entre os seres e as coisas existentes. Elas além de garantirem a sobrevivência natural e normal de cada ser dá a ele os direitos e os deveres como cidadãos do Universo, e bem como lhes dá a certeza que nada que for negativado ou positivado passará despercebido, pois sendo cada ser uma centelha oriunda do Núcleo, são divinas também e têm seu livre arbítrio e a cada ação uma reação equivalente, em sentido contrário as suas ações.

Nós, eu e eles, que procuramos ter uma noção mais ampla e detalhada sobre Deus, vamos indagando uns aos outros, aquelas que possuem maior conhecimento, aqueles que viajam mais longe, mais para o interior do Universo, conseqüêntemente, possuem maior entendimento e maior domínio tecnológico sobre o Cosmos e sobre o Sideral, o que é Deus? Quais são Suas funções no Universo? e etc.

Não entrarei em detalhes que já descrevi ou delineei em outras capítulos para não tornar-me repetitivo e redundante, mas resumirei em algumas linhas as quais para os bons entendedores, os de mentes panorâmicas, não obtusas, certamente será de fácil compreensão ou pelo menos “chegarão perto” do significado que os extraterrestres sempre tentaram passar para minha compreensão e entendimento sobre Deus – O Núcleo Central Cósmico.

Pode parecer uma exorbitância, uma petulância, e até sacrilégio de nossa parte e por parte dos extraterrestres, mas a verdade é a de que Deus não é um ser vingativo, punidor, protecionista, inquiridor, e egocêntrico onde só o que Ele determinar é válido e poderá ser feito Deus não subjugar ninguém e nem tampouco julga quem quer que seja. Ele não é objeto de idolatrias varias como é feito em planetas inferiores como a Terra. Ele só não é material e materialista porque é cósmico e sendo cósmico é invisível à maioria dos efêmeros mortais de qualquer planeta do Universo, e, sendo cósmico é transcendental, e sendo transcendental é impalpável, incomensuravelmente amplo, porém mesmo assim sendo intangível pode ser sentido e suas manifestações serem avaliadas por mentes altamente avançadas, não dogmáticas, as quais aproximando-se mais perto Dele podem descrevê-lo como se Dele fossem parte indivisíveis.

Deus é como uma grande pedra radioativa cósmica que lança esparge suas radiações de vários comprimentos de ondas para os quatro cantos do Universo. Uma dessas radiações é a centelha pensante, racional, que na Terra adquirem forma humana, assim como em outros planetas em estágios mais avançados ainda podem adquirir a forma que quiser, até a forma de uma massa atípica volitante que não precisa de mãos e pernas para viver ou se manifestar, seus poderes mentais são tão fortes que eles conseguem volitar, modificar tudo a sua volta; alteram e administram seu “habitat”. Isto é Deus! e Ele é assim pelo Universo todo. Conseguiu colocar na Terra os seres humanos que nela habitam! ou seja com instintos carnívoros, que não vacilam em deglutir seu semelhante de todas as formas possíveis! Matam-se entre si. Matam o seu semelhante por coisas fúteis e frívolos e coabitam em seus lares com animais peçonhentos e transmissores de terríveis doenças e epidemias! Isto é Deus!

O Núcleo Central Cósmico a guisa de um gigantesco elemento radioativo, emite as centelhas como se fossem radiações para todo o Universo. Ele é composto de bilhões de centelhas hiper-espiritualizadas que no decorrer dos bilhões de anos foram se formando, se aglutinando no Núcleo atraídos de volta, ao seu centro emissor com o único propósito de criar, criar tudo o que existe no visível e no invisível, no sideral e no cósmico. Foram auto-geradas, ou gerada por geração expontânea após bilhões de anos de auto deformação choques de elementos entre, forças centrípetas e centrifugas que o próprio grande vazio do Universo foi originando a medida que o tempo sem tempo ia passando. Geradas essas inteligências, passaram a gerar outras e estas a outras primarias, foram gerando outros e as espargindo para todo o Universo. As primeiras centelhas permaneceram no Interior do Núcleo a fim de reforça-lo e aumentarem o Seu volume dando origem a outras centelhas, só muitos milhões de anos depois, Ele já formado e Consciente iniciou-se a radiação para os quadrantes universais.

Voltando aos elementos radioativos, por exemplo: uma pedra de rádium de cobalto, de césio e outros vamos verificar que eles se formaram no interior da Terra após milhares de anos, durante os quais, vários componentes os foram formando e, entre ações, reações e gerações expontâneas, eles foram tomando formas e adquirindo as potencialidades radiativas das quais são formados atualmente.

A Diferença entre Deus – o Núcleo Central Cósmico e um elemento radioativo é a de que O Núcleo Central Cósmico emite suas radiações entre a centelha racional, a qual, por sua vez, pode gerar outras mais baixas e o Núcleo radioativo de uma pedra de rádium por exemplo, emite radiações não racionais, e tais radiações podem ser construtivas dependendo do uso que se fizer delas. Com as radiações racionais, as centelhas, se dá quase que a mesma coisa, ou seja, dependendo da região na qual ela for resfriar-se, ela poderá possuir um teor positivo ou negativo, por isso, como pude constatar, há muitas centelhas negativas no Universo e que possuem alto teor tecnológico e baixo teor de espiritualidade. Aí entram naquele velho dilema: – O que é o Bem e o Mal? O que é bem para uns é mal para outros e o que é mal para uns é bem para outros!

Porém, de uma coisa, estou convicto, e os extraterrestres também, toda a centelha racional que sai do Núcleo um dia retornará a Ele; poderá levar milhões de anos e os caminhos podem ser vários e nem sempre serão os mesmos caminhos de quando saíram, ou seja, nem sempre serão uma reta, ao contrário, poderão ser, caminhos tortuosos e curvilíneos para adquirirem seus potenciais de ascensão mas retornarão mais cedo ou mais tarde ao Núcleo Central Cósmico, passarão de criaturas a criadoras, a geradoras de novas centelhas e novos mundos. Isto é Deus!

Portanto, Deus “não é um velho barbudo equilibrando os sistemas solares com uma das mãos, as galáxias com a outra mão, os quasars com o pé esquerdo e os vácuos com o pé direito, e de vez em quando, quando cisma, tira uma das mãos e pune rigorosamente aquele que pecou.

Deus é um Focal, composto de bilhões de centelhas inteligentes e sem formas físicas, desprovidas de quaisquer tipo de paixão ou mácula mundana, rastejante. É o Núcleo Central Cósmico que sem qualquer preocupação, disputas, concorrências ou idealismos é formado, é aglutinado apenas para criar, expandir, iluminar, escurecer, multiplicar, somar, dividir, diminuir, tudo naturalmente. Todas as centelhas que Nele estão aglutinadas convergem entre si com exatidão e homogeneidade de propósitos e funções. São tão puros e elevados que somente a outras centelhas parecidas lhes é dado o privilégio de as compreender e entender!

Portanto, o ser humano ou “humanóide” de qualquer planeta têm que saber sintonizar as ondas elevadas que vem do Núcleo Central Cósmico e não teme-lo. Devem aprender que as leis universais são geradas para todos, as ações e reações, a “semeadura é livre e a colheita é obrigatória” são para todos, mesmo para aqueles altamente avançados tecnologicamente que através dos seus conhecimentos podem tentar “driblar” algumas vezes o alcance dessas leis. Podem sim, mas não indefinidamente pois, outras leis irão se formando em torno de seus atos até que eles sejam apanhados. É como uma bactéria ou vírus que vai oferecendo resistência a cada tipo de antibiótico que é ministrado, até que um determinado momento ela não tem mais saída e nem mais resistência e é exterminada. Assim são as leis Universais, são como antibióticos às possíveis bactérias e vírus que surgem no espaço sideral.

E, com para o Núcleo Central Cósmico Tempo é o Eterno Presente, ele não tem pressa e nem preocupação alguma com as ações e reações que as centelhas encarnadas ou não possam provocar.

Em vista do exposto acima, que é minha forma de pensar e de encarar Deus e é como aprendi dos seres extraterrestres, costumo dizer que aquele que aqui na Terra se diz ateu é mais crente e está por vezes em maior sintonia com Deus do que a maioria dos que se rotulam com religiosos e se matam em nome de Deus!

O acaso ou a naturalidade sem aquele determinismo matemático é que fazem parte do Núcleo Central Cósmico, mesmo levando-se em conta a Lei de Causa e Efeito, ou o Kárma, mesmo assim há uma certa elasticidade nas ações e reações cósmico-siderais com relação ao Tempo, ao Espaço aos acontecimentos de forma geral, porém ninguém escapa às suas ações quer sejam elas positivas ou negativas. Entretanto, existem mecanismos cósmico-siderais que permitem o remanejamento de algo o que necessita ser adiado porém não cancelado, de outra forma, teríamos no Núcleo Central Cósmico os protecionistas, os “pistolões”, os nepotistas, ao gosto do ser humano terrestre.

Isto não quer dizer que se o indivíduo cometeu uma ação negativa premeditada, como por exemplo um crime, às 7 horas da manhã de um dia 7, de um mês 7, de um ano qualquer, ele tenha que receber a reação contrária, no mesmo momento, na mesma hora, no mesmo dia, no mesmo mês de um ano futuro qualquer! Justamente ai é que não ocorre o determinismo matemático.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s