Queixar do Karma … Homo-sapiens …

Homo-sapiens

Perguntas:

Parte 1:

Querido Domingos,

Baseada nas informações em outro comentário, eu te pergunto: Se todas as coisas ruins têm um motivo por trás, visto que nada é uma coincidência, e não devemos nos sentir mal sobre alguma coisa ruim que está acontecendo com alguém porque pode ser o karma da pessoa, então por que razão temos queixa de todas as aparentes injustiças que sofremos por parte do governo? Não merecemos estas injustiças porque esse é o nosso karma, que atraímos para nós mesmos? Abraão, um ET canalizado através de Esther Hicks, diz que o mundo não está quebrado, que não há nada “errado” com nosso mundo e tudo está como está porque o fizemos assim (conscientes ou não). Verdade?

Abraços,
Christina Breault

Parte 2:

Domingos, você concorda com este artigo: “Os humanos não são originários da Terra, diz especialista …“?

Christina Breault

Respostas:

Parte 1:

Oi Christina,

Em parte o Abraham está certo, mas só em parte. Explico:

Tudo começou do principio, ou seja, nosso planeta por ser uma planeta novo perante os demais, havia uma vida bruxuleante feita de homos sapiens, quase irracionais, e os Dirigentes Siderais, percebendo que o progresso aqui iria demorar mais ainda, e, tendo a sua disposição povos recalcitrantes como os que habitavam o planeta Capela da constelação O Cocheiro, resolveram por bem de ambas as partes, as daqui como as de lá, fazer esse mesmo Sidérius na passagem dele por lá, colher aquelas almas e desova-las por aqui. Foi o que foi feito, e aquelas facções inimigas entre si, continuariam e continuam até hoje (Caim e Abel) Árabes e Judeus a brigarem até nossos dias, e, pelo jeito continuarão brigando lá onde serão novamente desovados. Pois bem, de onde se conclui que o planeta Terra passou a ser o lixão do espaço. E as “bactérias e larvas” existentes dentro desse lixão, vieram progredindo assim mesmo, constituindo governos, governos corruptos, para roubarem entre si e fomentarem guerras entre si, dando como resultado, o atual “status vibratorius”, “status social” vigente, onde não há o respeito pelo seu semelhante e nem pela divindade, apesar de que para isso, para esse engodo, “criaram centenas de religiões”, assim, enquanto roubavam e matavam mais, mais inculcavam nas mentes medrosas e tementes que haveriam castigos, caso não obedecessem e fossem cordatos até com as coisas ruins que aprontavam. Veja-os os casos dos neófitos egípcios, os neófitos do Nepal (budistas), cujos sacerdotes faziam mil e um truques para amedrontá-los e assim, prendê-los em suas filosofias. Pois, partindo do principio que o ser terrestre vem sendo enganado e vive sob grandes farsas e mentiras, não é de se estranhar de que todos, sem exceção, estejam agora mais do que nunca, subordinados a um kharma coletivo e individual! Mas, sobressaem-se aqueles que vieram depois, em missão, como alguns “marcianos”,” venuzianos”, “pleidianos” e outros “anos”, que tiveram que “dançar” conforme a musica daqui e consequentemente, não concordam, não aceitam, se insurgem e, como são minoria, queixam-se aos quatro ventos e ninguém os ouve, pois, vivendo no meio ambiente, ou seja, neste “habitat” que não é o seu original, adquiriram o karma também, relativo, mas, karmático o que os faz sofrer e se rebelarem. Recebo muitos conselhos “deles”, para “aguentar firme” que tudo isso vai passar. O mesmo passo para você e para todos aqueles que nos lerem.: “Pra Frente e Pro Alto Sempre“, autor DYezzi::.

Abraços.
DYezzi::.

Parte 2:

Não, não concordo, pois, pelo que sei o homo-sapiens é originario da Terra, brotou aqui, mais tarde, bem mais tarde, ele recebeu uma “especie de injeção morfológica” de outros seres de fora, e passou a raciocinar e a buscar novos conhecimentos enquanto se transformava.

DYezzi::.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s