Ocupações e Longevidade dos Extraterrestres

Ocupações e Longevidade dos Extraterrestres

Perguntas:

Como bom discípulo vou te fazer umas perguntas:

  1. Devido a tua missão em sua próxima encarnação você continuara na Terra?
  2. O ritmo de seus contatos e pesquisas diminuiu na partida de sua amada esposa?
  3. Analisando o meu registro akashico, o que você teria a me passar como “exercício critico de melhoria para minha evolução”?
  4. Como é o dia-a-dia de uma população extraterrestre? Quais suas ocupações?
  5. Sobre o tempo de vida do corpo alienígena, pelo que entendi de minhas leituras, os extraterrestres tem corpo material mas não tem a morte física devido a serem seres mais avançados. Há uma troca de corpo material apenas, por um clone dele mesmo? Não hã um desgaste de seu corpo?

Desculpe pela quantidade de perguntas, estimado mentor, mas se eu perguntar ninguém mais saberá me responder e quero tentar ao máximo, ainda nesta encarnação, me lapidar com sua sabedoria.

Um grande abraço de seu discípulo carioca.
Mantuano

Respostas:

Prezado Mantuano,

É sempre uma honra responder as suas perguntas e é claro de outros leitores também, pois o conhecimento deve ser disitribuido, mesmo que estes, no dizer do Mestre-dos-Mestres, sejam perolas, pois no meu entender está chegando a hora dos “porcos”, ou seja de muitos que não assimilariam tais conhecimentos, ingerirem perolas, ou fazem isso, ou desta vez morrerão de fome!

  1. Já fui avisado de que na próxima, desencarnarei, ainda criancinha, e retornarei ao meu “rincão vermelho”. Isto se faz necessário, porque o adulto sempre levará seus vícios e costumes para a próxima reencarnação, e lá de onde eu vim, querem evitar todas as toxidades possíveis, e um criancinha ainda é pura em seu novo corpinho. “Vinde á mim as criancinhas, pois dela será o reino dos Céus!”
  2. Sim, diminuíram, na parte deles a tomarem e falarem comigo através dela (vivo incorporando vivo), mas continuaram e continuam, contudo em marcha mais lenta, pois esta minha segunda esposa, não tem as mesmas mediunidades, mas digita muito bem! Rsrs.
  3. O exercício crítico, para você ou qualquer pessoa, é a busca do aperfeiçoamento em todas as áreas e costumes. Cada um é cada um. O que é pra você pode não ser bom para outros e vice-versa, mas todos têm que buscar a perfeição. a elevação, física, moral e espiritual, sem a necessidade de ser virtuoso ou santo, aqui na Terra isso é muito difícil, mas se conseguimos nos livrar das toxidades terráqueas, já é uma grande vitória!
  4. Quase todos os planetas evoluídos, que me foram dados a conhecer, as populações são objetivas. O planeta é dividido por setores e não por países, ou seja, um setor só para produtividades, outro setor só para o campo médico, outro setor só para a lavoura, outro setor para a educação, a qual começa desde o nascimento até o término do mais alto grau de formação, sem a necessidade de cursinho e outras formas de ganhar dinheiro dessa juventude ávida para alcançar seu diploma de alto nível. Tudo visando o planeta e a população em geral, sem esses “ismos” aqui da Terra, ou seja capitalismo, comunismo, revanchismo, religiosismos, patriotismos, e etc. Há uma reciclagem em cada habitante, ou seja, quem é médico, vai ser lavrador, ou produtor de naves, produtor de alimentação e assim por diante. Não países, o que existe é um único país, o planeta. No meu quarto livro, você e os demais, lerão os maiores detalhes.
  5. Como vai explicado em meus livros, a vida de cada ser, seja ele terrestre ou extraterrestre, é regulada pelo seu respectivo “habitat” e pelo conhecimento técnico e cientifico das células e moléculas, e de sua genética. Os seres extraterrestres de planetas ainda em evolução, ou seja, mesmo sendo mais adiantados que os da terra, ainda estão em evolução e portanto, possuem matéria física, densa, porém mais sutis que os seres da Terra. Morrem sim, perdem seu corpo durante determinado tempo de vida, uns povos com 250–300 anos dos nossos de vida, envelhecem e morrem, sem as doenças, mas morrem. Outros mais evoluídos jamais morrem, trocam apenas de envólucro, assim como nossas serpentes, mal comparando. Mas não geram filhos através de sexo, materializam seus corpos energéticos sobre aqueles que serão seus filhos e assim por diante.

Abraços,
DYezzi

[box type=”note”]English Translation: Occupations and Longevity of Aliens[/box]